O SEMEADOR

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

A FORÇA DO AMOR
Um dia, Vinícius de 12 anos de idade, acordou cedo, numa manhã de domingo, dormira tarde pois o seu melhor amigo Léo, tinha desabafado até "altas horas" no seu portão sobre os seus pais, eles estavam se separando... Uma bomba para o mundo do pobre Léo. Com aquele pensamento na cabeça, Vinícius acordou, levantou-se e foi até ao quarto de seus pais, estava a porta aberta e ele a abriu lentamente... Viu uma cena curiosa... a sua mãe dormindo abraçada com o seu pai e seus semblantes eram... de paz! Mas Vinícius pensou: "engraçado...eu não me lembro de vê-los aos beijos, mas já flagrei muitas vezes várias discussões...como eles podem dormir assim?" A sua mãe estava acordando e, Vinícius saiu de fininho do quarto, não queria ser pego, foi para a sala, ver a tv. Uma hora depois, ouviu risadas e viu seus pais descerem para a cozinha juntinhos, como um daqueles casais de jovenzinhos que estavam passando em um mangá na tv naquele momento. Vinícius viu as mãos juntas e seus pais se beijando... aquilo paralisou Vinícius que sentiu um misto de graça, de "eca!", de... "showw...", de confiança, de paz, de alívio... por seus pais não estarem como os pais de Léo. Vinícius esqueceu a tv, ficou sem disfarçar, olhando para os seus pais, pois naquele momento, Vinícius, os anjos e todo o mundo, eram testemunhas da força do amor.

Sejamos modelos da força do amor para a nossa família, para o mundo.