Com a força do Espírito Santo

domingo, 19 de maio de 2013
Alexandre, Como você está vendo a evangelização através das artes? - Com muito bons olhos. Na verdade, acredito que podemos evoluir mais. Graças à Deus, há uma evolução visível graças á Internet. Como você vê a Evangelização através de quadrinhos e mangás? - Antigamente, eu ficava incomodado ao ver aqueles quadrinhos antigos, ensinando uma catequese que para muitos, não era atrativa. faltava emoção, uma química santa para "prender" a atenção dos leitores. Agora, a coisa evoluiu, mas ainda falta muito. Você criou uns personagens, uma banda chamada Para Jesus (que deu origem ao nome do blog). Esta banda voltará? - Um afilhado meu achou em suas coisas, um antigo gibi do Para Jesus. Eles apareceram tocando na ordenação do Cristão X, mas creio que até agora, o Senhor não colocou em meu coração para "bancar" a sua volta. Qual é o personagem seu que você mais gosta? - Respondo que é um personagem que na verdade não é totalmente meu... trata-se do Cristão X, pois ele foi elaborado fisicamente pela Mariana vieira, que introduziu no meu trabalho, os traços do mangá. A personalidade, as vestimentas, os personagens secundários, foram pensados por ela. Eu só tive a ideia no esboço, ela desenvolveu. Por isso, tenho um carinho especial por ele. como você está vendo a JMJ? - Com muita alegria e expectativa. Acredito numa invasão santa e que os jovens locais, ficarão abismados ao ver que Jesus continua vivo nos corações de jovens de todo o mundo e que eles (os brasileiros), podem sentir esse Jesus internacional de perto. Você estará lá na JMJ? - Com certeza! Se Deus quiser, estarei fazendo uns cartãozinhos de visita para distribuir no meio da multidão e nas caixas de correios das casas, dos prédios, nos ônibus... Para terminar, o que você diria ao Espírito Santo? - Agradeço a Ti, Espírito Divino, pela unção ao me conferir a idéia de criar a Para Jesus Comics. Agradeço por me conduzir à pessoas como a Mariana, a Sheila a qual deposito todo meu carinho, uma vez que ela foi importantíssima para que esse trabalho existisse e à irmãos que me apoiaram. Amém.